in

Cristiano Ronaldo ajuda Juventus no mercado: seis aquisições necessárias

Goal

Cristiano Ronaldo está fazendo uma temporada muito boa, em sua estreia na Juventus. O jogador é um dos melhores artilheiros e, com 34 anos de idade, ele continua marcando diferenças no futebol, como provou em várias partidas essa temporada. Porém, o jogador não ficou satisfeito. O título de campeão da Itália seria muito pouco para Cristiano Ronaldo, que sonhava mais na Champions. Portanto, segundo o jornal italiano Tuttosport, o astro português estaria dando sua opinião sobre quem o time deve contratar para a nova temporada. 

Publicidade

As sugestões de Ronaldo

O primeiro nome que daria Cristiano Ronaldo seria o de Matthijs de Ligt, o capitão e zagueiro, de 19 anos, do Ajax. O holandês está há muito tempo na agenda de Fabio Paratici, mas até agora a concorrência de times como o Barcelona estaria dificultando as negociações para a Juve. 

Paul Pogba seria um outro favorito de Cristiano Ronaldo para o meio-campo da Juventus na próxima temporada. O meia francês, de 26 anos de idade, é bem conhecido da Juventus, ele que brilhou no time bianconero, antes de se mudar para o Manchester United. 

Publicidade

Porém, Pogba não seria a única novidade no meio-campo, posição que o português espera ver bem reforçada. Adrien Rabiot também estaria sendo contemplado por Ronaldo, que vê no jovem do Paris Saint-Germain uma boa solução, até porque ele vai sair de graça de Paris, no final da temporada. 

Publicidade

Ainda meio-campo, Ndombélé, do Lyon, estaria no topo das preferências, não apenas de Ronaldo, como também de Paratici e Nedved. A diretiva da Juve estaria seguindo o jogador francês faz muito tempo. 

Publicidade

Dois do Real Madrid

Além de esses nomes, Ronaldo teria dois pedidos de dois conhecidos seus, que ele acredita terem o nível para tornar a Juventus uma candidata para ganhar a Champions. Isco e James Rodríguez, que está terminando seu empréstimo no Bayern de Munique e vai regressar a Madrid, seriam os favoritos de Ronaldo. 

O astro português acredita que seus dois antigos companheiros no Real Madrid poderiam fazer mais ainda, em um time como a Juve. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade