in

Luto no futebol: ex-jogador de futebol é encontrado morto dentro de casa

Divulgação: Pinterest

O ex-jogador de futebol, Julio César, foi encontrado morto nesta segunda-feira (22), na sede do clube de futebol Santa Fé, local em que morava. As primeiras investigações feitas pela polícia  indicam que o ex-jogador que atuou em grades times como Boca, River, Columbus e Union, entre outras equipes, cometeu suicídio.

Publicidade

De acordo com os parentes do jogador, o ex-atleta estava passando por um quadro depressivo. Na semana passada, ele havia sido hospitalizado após uma tentativa de suicídio com pílulas. 

Publicidade

Publicidade

Os médicos fizeram uma lavagem no estômago do ex-jogador e, após 48 horas, ele recebeu alta. César estava passando por problemas financeiros. Seu último trabalho como diretor técnico foi no clube Rampla Juniors, no Uruguai, em fevereiro deste ano. O jogador foi encontrado morto por um funcionário do clube Santa Fé.  

Publicidade

No ano de 2013, o ex-jogador foi diagnosticado com câncer. Naquela época, Júlio disse que sua fé em Deus e sua família o ajudou a se manter firme na luta contra a doença. “Eu achava que minha vida terminara aos 45 anos de idade. Eu me agarrei a minha família e com Deus. Eu sou um crente e rezei muito. Deus é grande”, disse o atleta na época.  

De acordo com o site La Nacion, Júlio jogou no Unión, Instituto, Rio, Colón, Boca, Independiente, Audax Italiano (Chile) e Patronato do Paraná. Sua carreira como jogador profissional de futebol começou no ano de 1986 e se aposentou no ano de 2004. Após sua aposentadoria, ele se tornou diretor técnico, e passou por 15 equipes na Argentina, Bolívia, Equador, Bolívia e Uruguai.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Francisco Nunes

Barbeiro profissional.