in

Menina surda ouve pela primeira vez após cirurgia e reação emociona

Foto: Guy’s and St Thomas/ NHS

Na Inglaterra, Leia Armitage, de apenas 7 anos, é portadora de uma doença raríssima que causa a surdez. A menina nasceu sem o nervo auditivo, portanto não poderia ouvir nem com ajuda de aparelhos e nem com implantes cocleares.

Publicidade

Após saber disso o pai de Leia, Bob, conta que a família ficou arrasada e o médico havia contado que nem se colocassem uma bomba para explodir atrás de seu ouvido, ela ouviria.

A menina viveu em silêncio total durante os dois primeiros anos de vida. Após isso, a família de Leia decidiu tornar a garota alvo de uma pesquisa, pois uma cirurgia pioneira no cérebro da criança podia fazer com que ela ouvisse, porém também trazia muitos riscos.

Publicidade

Bob conta que foi uma difícil decisão, porém, por fim, a família decidiu deixar e Leia foi um sucesso. A mãe da menina, Alison, conta que queria dar uma melhor oportunidade de vida à garota e que isso fez parte da tomada de decisão.

Publicidade

Após a cirurgia, Leia fez terapia e a expectativa contada pelos pais é que a garota ao menos escutasse os carros buzinando quando fosse atravessar ruas, mas o seu progresso emocionou a família e hoje a menina já se desenvolve bem, inclusive conseguindo falar.

Publicidade

Bob conta que se ela estiver no andar de cima e a chamarem, hoje ela consegue escutar normalmente. Além disso, o que mais surpreendeu foi o desempenho em sala de aula.

Leia já consegue falar algumas frases e está usando a própria voz. Frases como ”te amo, papai” e ”boa noite, mamãe” são as que mais emocionam o casal que vê de perto a evolução da filha.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com