in

Ator é morto a tiros e polícia trata caso como assassinato

Arte / Diogo Marcondes

Por volta das 20h de quarta-feira (17), a polícia chegou à rua em que um homem estava ferido. Logo de início constatou-se que a pessoa em questão estava morta depois de ter sido baleada. Mais um caso comum em um mundo cada vez mais violento? Sim, mas este envolve uma pessoa famosa.

Publicidade

O caso aconteceu em Edimburgo, capital da Escócia. O homem baleado e morto é o ator Bradley Weslh, de 42 anos. A polícia de Edimburgo trata o caso como morte suspeita e as investigações continuam.

“Os oficiais continuarão a fornecer uma presença de alta visibilidade na área para se envolver com o público, oferecer tranquilidade e coletar informações que possam ajudar nessa investigação”, afirmou a postagem feita pela divisão policial em sua página no Facebook.

Publicidade

Os policiais ainda pedem na postagem que quem tiver informações que procure as autoridades. Welsh ficou conhecido após participar da série “Trainspotting”, de 2017. Ele interpretou o chefe de gangue Doyle.

Publicidade

O ator também participou de três documentários antes de integrar o elenco da série: “Football Hooligans International”, em 2007; “Danny Dyer Deadliest Men”, em 2008; e “The Boxer from Somewhere Else”, em 2012.

Publicidade

Antes da fama na área de atuação, Welsh fez carreira no boxe. Aos 17 anos, em 1993, foi campeão da categoria leve da Associação de Boxe Amador da Inglaterra. Anos depois, ele abandonou o esporte e decidiu ser ator. A notícia da morte de Welsh repercutiu nas redes sociais e a expectativa é grande de que o autor dos disparos seja preso.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!