in

Afronta? Globo ‘obriga’ atores a favor de Bolsonaro a virarem gays por audiência

Globo / Veja

Durante a última campanha eleitoral, o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, recebeu o apoio de muitas pessoas famosas. Entre elas, estão os atores da Globo Malvino Salvador e Caio Castro. Eles estão na lista dos ‘acusados’ de darem apoio ao capitão da reserva. Direta e indiretamente, eles apoiaram uma mudança no Palácio do Planalto que ajudou o líder do PSL a chegar ao poder. 

Publicidade

Mas agora, para surpresa geral do público, Caio Castro e Malvino Salvador vão ter que se “pegar” na nova novela das nove da Globo. Em busca de audiência, a TV Globo escalou a dupla de galãs para viver um casal homossexual. É a primeira vez que os atores encaram esse tipo de personagem na televisão. 

Escolha de atores para casal gay divide público

A decisão, no entanto, segundo um famoso site que cobre o mundo da televisão, irritou algumas entidades que defendem os direitos dos gays. Isso porque tem gente que não está aceitando dois atores héteros, que apoiaram Bolsonaro,  agora vivendo homossexuais. 

Publicidade

A estreia da dupla acontecerá agora no final do primeiro semestre,  quando entra no ar a novela ‘A Dona do Pedaço’. O folhetim será protagonizado pela atriz Juliana Paes, que já grava os episódios da história. 

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

Há ainda quem defenda que os papéis de minorias devem ser dados às próprias minorias, que não apoiam Bolsonaro, sofrem preconceito e acabam não sendo chamadas para atuar, muitas vezes. Segundo a comunidade, a Globo continua colocando heterossexuais nesse posto, ao invés de contratar e pagar atores gays.

Publicidade

Segundo outro telespectador, os atores em questão “não têm um posicionamento político exatamente alinhado com a comunidade gay”. 

Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.