in

Gregório Duvivier ataca Bolsonaro e Sérgio Moro, mas promotor se indigna e reage

Foto/Montagem: Porta dos Fundos / Veja

Recentemente, o comediante Danilo Gentili acabou sendo condenado a seis meses de prisão por conta de comentários contra a deputada federal Maria do Rosário. Ele ainda pode recorrer da decisão em liberdade. Outro humorista que também está com um problema parecido é Gregório Duvivier. 

Publicidade

Ele agora está sendo apontado como alguém que cometeu injúria e difamação contra o presidente da república, Jair Bolsonaro, e o Ministro da Justiça, Sérgio Moro. A análise é do promotor Lucilio de Held Junior. Ele por si só não pode abrir um processo contra Gregório, mas enviou o material com as supostas ofensas para Moro.

O material em questão é um vídeo em que Gregório Duvivier faz ataques contra o governo federal e membros dele, especialmente Bolsonaro e Sérgio Moro. 

Publicidade

Questionado sobre o porquê fez isso, o promotor disse que se sentiu no dever em revelar a situação para Moro. “A forma como o ofensor se manifestou foi muito incisiva, em relação a autoridade que é exemplo para todos nós no país. Confesso que fiquei indignado com essa situação. Me senti no dever não apenas cívico, como funcional de dar conhecimento ao ministro”, disse ele ao comentar o caso, como mostra uma matéria do site RD1 Audiência. 

Publicidade

Entre as afirmações que são atribuídas a Duvivier contra o Ministro da Justiça estão expressões como ‘juizeco”. Outras expressões vão além. 

Publicidade

Segundo o humorista, Sérgio Moro “fala fino com a milícia e com os Estados Unidos”. Além disso, que Moro “não merece nem uma p*ca no c*, [porque] uma p*ca no c* pode ser bom”.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.