in

Verdade vem à tona e esfaqueador de Bolsonaro tem real face revelada

Veja

No final do ano passado, Adélio Bispo ficou conhecido em todo o Brasil por conta da facada que deu no presidente do Brasil, Jair Bolsonaro. Na época, Bolsonaro era apenas candidato ao pleito. A partir da facada, que quase matou Bolsonaro, iniciaram-se teorias da conspiração. A Polícia Federal também investigou o caso. 

Publicidade

Meses depois, após a Polícia Federal dizer que não havia evidências de que terceiros teriam ajudado Adélio Bispo na meta de matar o presidente, especialistas destrincharam a real face do homem que cometeu um atentado durante o período eleitoral. 

Os especialistas concluíram que Adélio Bispo tem transtornos mentais e, por conta disso, o Ministério Público deve agir de maneira diferente. De acordo com o parecer do Procurador Marcelo Medina, Adélio Bispo pode ser enquadrado criminalmente, mas com redução de pena. Essa decisão é uma pedra no sapato na ideia do próprio Bolsonaro e seus apoiadores. 

Publicidade

Antes, por meio das redes sociais, o presidente do Brasil usava a tese de que um grupo teria tentado o matar. Agora com a Polícia Federal sem provas e o apontamento do Ministério Público, o caso Adélio tende a terminar com a suavização da condenação do réu confesso. 

Publicidade

O documento  do Ministério Público é mantido sob sigilo e o procurador não fala sobre o teor. A TV Globo apurou que o documento levou em conta sete laudos e pareceres sobre a saúde mental de Adélio.

Publicidade

As conclusões vão embasar a decisão judicial sobre a possível punição ao agressor de Bolsonaro. Ainda não há uma data para o julgamento dele.

Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.