in

Flamengo vive grande drama às vésperas de duelo com o San José pela Libertadores

Crédito: Celso Pupo/ Fotoarena

O Flamengo terá um jogo decisivo contra o San José da Bolívia na próxima quarta-feira pela Taça Libertadores da América, às 21h, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. Após um resultado negativo contra o Peñarol do Uruguai, em casa, pela terceira rodada, pelo placar de 1 a 0, o Rubro-negro precisa somar os três pontos para não se complicar na luta pela classificação às Oitavas de Final da competição intercontinental.

Publicidade

O grande drama para a equipe comandada pelo experiente técnico Abel Braga na montagem do time será escolher quem será o centroavante titular, pois três grandes jogadores nesta função não estão em condições de serem escalados.

Gabigol que é o artilheiro do Flamengo na temporada com nove gols em 13 jogos, não poderá atuar pois foi expulso contra o Peñarol, após um dar um carrinho violento em um jogador adversário. Já o substituto imediato, o colombiano Fernando Uribe, sofreu uma entorse no tornozelo e foi vetado pelo departamento médico do clube da Gávea. Lincoln, outro centroavante no plantel, também está lesionado e sequer foi inscrito pelo Flamengo na Libertadores da América.

Publicidade

O único centroavante de ofício que está inscrito é o jovem Vitor Gabriel, de 19 anos, e que atuou em poucas oportunidades no profissional. Apesar da pouca experiência, há uma real possibilidade dele começar a partida na equipe titular.

Publicidade

Outra opção para Abel Braga é improvisar Vitinho ou Bruno Henrique na camisa 9. Os dois serão titulares na partida e podem até mesmo revezarem na função de centroavante.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Ataídes Milani Junior

Redator da 1News Brasil