in

Messi supera mais um recorde de Cristiano Ronaldo

O Globo

Leo Messi é mais novo dois anos e meio que Cristiano Ronaldo e, pela primeira vez em anos, o argentino superou Cristiano Ronaldo como melhor artilheiro das cinco principais ligas da Europa. Da história. O recorde pertencia a Ronaldo, mas com o gol que Messi anotou frente ao Villareal, é ele o novo líder.

Publicidade

Claro que Cristiano ainda poderá assumir novamente essa liderança, mas no momento, Messi é o jogador com mais gols nas principais ligas da Europa. 

Números colocam Messi na frente

Isso é de acordo com os dados coletados da OptaJose, que coloca o capitão do Barcelona em 415 gols e o jogador da Juventus com 414. A diferença entre os dois é agora de um gol, favorável a Messi. Porém, importa marcar aqui algumas diferenças. 

Publicidade

 

Messi precisou de menos jogos

Vale a pena colocar essas estatísticas em contexto. O craque argentino precisou de menos jogos para atingir esse número, mas Ronaldo conseguiu seu feito dividido por três ligas e times diferentes, enquanto que Messi esteve sempre no Barcelona.  

Publicidade

As diferenças são, então, fáceis de entender. Messi tem 31 anos e fez seus 415 gols em 446 partidas, na La Liga, sempre com a camisa do Barcelona. Enquanto isso, Cristiano Ronaldo tem 34 anos e fez seus 414 gols em 514 partidas, na liga inglesa, espanhola e italiana, com as camisas do Manchester United, Real Madrid e Juventus.  

Publicidade

Vale ainda lembrar que Ronaldo também fez três gols nos 25 jogos que fez com a camisa do Sporting, na liga portuguesa, mas essa não conta entre as principais da Europa, uma vez que é uma liga mais modesta e de menor competitividade que as outras cinco: Espanha, Inglaterra, Alemanha, Itália e França.

Para colocar as coisas ainda mais em perspectiva, Messi alcançou sua marca de gols em 68 partidas a menos que Ronaldo. Seu gol 415, que vai valendo esse recorde, foi alcançado contra o Villareal, na terça-feira. 

O Barcelona empatou 4 a 4 contra o Villareal, uma partida que Messi começou descansando no banco de reservas, mas acabou entrando. Messi e Suaréz saíram do banco e ajudaram na recuperação do Barça, que esteve perdendo por 4 a 2, mas os dois craques viraram o jogo, no final da partida. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade