in

Homem de vídeo divulgado por Bolsonaro teria defecado e feito algo ainda pior com foliões

Nessa semana, o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, teria causado polêmica ao divulgar um suposto vídeo polêmico. Nas imagens, dois homens estariam em situação constrangedora, em meio ao Carnaval, o que representaria, para muitos, um ato libidinoso. 

Publicidade

A revista Época divulgou a identidade do suspeito que aparece nas imagens divulgadas por Bolsonaro. A publicação teria entrado em contato com o homem, que usa uma identidade binária, não sendo nem homem, nem mulher. Ele teria garantido que o ato que chocou o Brasil era apenas um protesto político. 

O problema é que a performance teria ido muito além do que as imagens divulgadas por Bolsonaro mostrariam. Pessoas presentes na performance realizada no bloco chamado de BloCU, no centro de São Paulo durante o carnaval, afirmam que a apresentação não se resumiu a apenas à chuva dourada e manuseio da parte de trás do corpo do “artista”, como informou a reportagem. 

Publicidade

Segundo testemunhas que teriam sido ouvidas pela época, em dado momento da performance, o artista teria defecado em cima do ponto de táxi da região. 

Publicidade

O mesmo homem teria feito algo ainda pior. Após receber a chamada  “chuva dourada” do seu companheiro de performance, ele teria sacudido os cabelos com urina. Dessa forma, o líquido teria caído em cima de quem passava no local. 

Publicidade

Vale lembrar que veículos de comunicação e personalidades criticaram o presidente pela divulgação do vídeo, considerado até pelo Twitter como sensível.  O caso, inclusive, acabou tendo repercussão internacional.  No Brasil, a divulgação dividiu internautas. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.