in

Ainda não acabou para o Real Madrid: Messi deixa nova preocupação

AS

Para o Real Madrid, essa temporada não está correndo nada bem. O time continua somando resultados negativos, está a doze pontos da liderança da liga, já foi eliminado da Copa e sua única chance é mesmo a Champions, que vem de ganhar por três vezes seguidas. No entanto, com as exibições recentes, até o sonho europeu parece cada vez mais complicado. 

Publicidade

Temporada vai de mal a pior

Afinal, as saídas de Zidane e Cristiano Ronaldo estão sendo mais difíceis de digerir do que pensavam em Madrid. O Real Madrid já vai no segundo treinador na mesma temporada e, depois de Lopetegui, agora é a vez de Solari ser contestado pela torcida, nada satisfeita  com os resultados. 

Publicidade

Publicidade

No ataque, a ausência de Ronaldo também é muito notada, especialmente quando o time não faz gols, o que voltou a suceder nesse final de semana. Os dois últimos resultados foram duas derrotas, no Santiago Bernabéu, contra o maior rival, o Barcelona. E três dias, o Real Madrid perdeu duas vezes contra o Barça, sofreu quatro gols, e não fez nenhum. 

Publicidade

As esperanças do time vão sendo depositadas em um garoto de 18 anos, Vinícius Júnior, que apesar de muito talentoso, parece confirmar cada vez mais que ainda não tem o que é preciso para liderar um colosso como o Real.

Barça quer tudo

Com tantas dificuldades no Real Madrid, o time pode terminar essa temporada sem títulos. Apesar da equipe ainda estar na Liga dos Campeões e com boas chances de avançar a eliminatória. No jogo de ida, o Real ganhou por 2 a 1, contra o Ajax e tem agora que confirmar sua vantagem, no jogo de volta, em Madrid. 

No entanto, poucas pessoas imaginam que o time possa ganhar novamente a Champions, do jeito que estão jogando. Aliás, de acordo com o site Don Balón, o Real Madrid é o adversário preferido de Messi, para a Champions. O argentino já teria falado para pessoas próximas, que gostaria de encontrar o time merengue na próxima eliminatória. 

Isso é apenas a confiança de Messi e de seu Barcelona, que acreditam, cada vez mais, que essa temporada podem ganhar tudo: liga, copa e Champions. Ou seja, o ano terrível do Real Madrid ainda poderia estar longe do final. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade