in

Globo tenta atingir imagem de Sérgio Moro, mas é lembrada por falha: ‘Fábrica de fake news’

Foto/Montagem: TV Globo/ UOL

A TV Globo está exibindo há algumas semanas o quadro Isso a Globo não mostra. O objetivo do canal é conseguir fazer piadas sobre temas variados.

Publicidade

Neste domingo, 24 de fevereiro, a emissora mostrou falas do ainda juiz federal Sérgio Moro, quando ele disse que o caixa 2 era tão ruim ou pior do que a corrupção. Em seguida, exibiu a fala do agora Ministro dizendo que caixa 2 não era tão grave quanto alguns crimes.

Moro não foi o único.  Outros membros do governo do presidente de Jair Bolsonaro também receberam ataques. Um segundo alvo foi o porta-voz oficial da Previdência, Otávio Rêgo Barros. Ele ganhou um congelamento alá Avenida Brasil após ficar sem reação a uma pergunta feita por uma repórter da Globo.

Publicidade

Emissora fez piada com Ministro da Justiça, mas público lembrou de falha do Jornal Nacional com ‘fake news’

O ex-ministro Gustavo Bebianno também foi alvo do programa. As piadas pareciam que não teriam fim. Isso porque a emissora transformou sua conversa com Bolsonaro em uma música, com direito a Karaokê na novela Malhação. 

Publicidade

E o cenário principal contou com uma laranja no solo e também com uma legenda com a “letra” da canção. Acontece que muitos dos eleitores do atual presidente não ficaram satisfeitos.

Publicidade

Nas redes sociais, no entanto, o assunto virou contra a Globo. O canal foi chamado de “fábrica de fake news“, já que muitos eleitores lembraram o fato de que nessa semana, durante o Jornal Nacional, William Bonner leu um  tweet do General Heleno que nunca nem existiu. O programa chegou a ter que pedir perdão diante do assunto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.