in

‘Carta’ de Bebianno vem à tona e seus segredos mais nebulosos enfim eclodem

Veja

A relação paz e amor entre o Ministro Gustavo Bebianno e o presidente da república, Jair Bolsonaro, enfim chegou ao fim. Depois de muito ‘disse-me-disse’, os dois se encontraram no final da noite de sexta-feira, 15 de fevereiro, em Brasília.

Publicidade

Veículos de comunicação falam que a conversa entre as partes foi tensa. Teria ficado acertado que o Ministro deixa o governo já na segunda-feira, 18. A crise entre as partes teve início por conta de um post do filho do presidente, o vereador Carlos Bolsonaro. Na mensagem, ele dizia com todas as letras que o ministro Bebianno mentiu.

Agora, no entanto, é Bebianno quem usa da mesma arma. Em um post em formato de carta, ele mandou várias indiretas para o presidente e deixou claro o que, até então, era mantido apenas em segredo. No texto, Gustavo fala de lealdade, algo que ele considera que se encerrou de vez entre as partes. 

Publicidade

Ministro escreve texto no formato de carta, mandando indiretas para Bolsonaro

O texto publicado por Bebianno exalta a lealdade nas relações humanas. “A lealdade constrói pontes indestrutíveis nas relações humanas. E repare: quando perdemos por ser leal, mantemos viva nossa honra”, diz o trecho da mensagem.

Publicidade

Veja abaixo um print da “carta” escrita pelo ministro em sua rede social, que acabou grande repercussão:

Publicidade

Sem mencionar o presidente Bolsonaro em nenhum momento ou fazer qualquer comentário, a postagem diz que a lealdade “conduz os passos das pessoas que jamais irão se perder do caminho“, “nas turbulências” e “circunstâncias“.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.