in

BEBIANNO CAIU: Bolsonaro demite ministro e ainda dá grande lição

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

O ministro Gustavo Bebianno foi demitido nesta sexta-feira, 15 de fevereiro, pelo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro. A informação foi dada ainda dentro do SBT Brasil e confirmada por diversos sites. A exoneração de Gustavo Bebianno já foi, inclusive, assinada por Bolsonaro.

Publicidade

Oficialmente, ele apenas deixa a pasta na segunda-feira, 18 de fevereiro, quando um novo diário oficial da união é divulgado. 

A demissão de Gustavo Bebianno é uma grande lição dada por Bolsonaro aos demais ministros. Ele deixa claro que, caso alguém insista em andar fora da linha, vai entrar para a degola.  No caso do agora ex-ministro, a situação é bem mais preocupante do que apenas uma demissão. 

Publicidade

Além de ser o primeiro do governo a perder o cargo, Gustavo Bebianno está sendo investigado pela Polícia Federal. Isso tudo a pedido do próprio presidente Bolsonaro. A decisão aconteceu depois que Gustavo recebeu acusações de envolvimento com a suposta candidatura de uma deputada laranja, a fim de beneficiar do dinheiro gasto na campanha dessa deputada. 

Publicidade

Segundo SBT e diversos sites, Ministro Bebianno é o primeiro a ser demitido pelo governo de Jair Bolsonaro

De acordo com informações da coluna Painel, da Folha de S.Paulo, a conversa entre Bolsonaro e Bebianno teria sido ríspida. O fator decisivo para a saída do ministro, conforme integrantes do Planalto, foi o vazamento de diálogos privados, exclusivos da Presidência, entre Bolsonaro e Bebianno.

Publicidade

Apesar de, a princípio, ter seguido a vontade dos outros ministros, o presidente decidiu chamar Bebianno para uma reunião e uma conversa definitiva.

Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.