in

Ídolo do Flamengo chora ao vivo morte de jogadores e comove o Brasil: ‘Tantos sonhos’

Foto/Reprodução: ESPN

Nesta sexta-feira, 8 de fevereiro, enquanto participava de um programa ao vivo do canal a cabo ESPN, o ex-jogador de futebol Djalminha não suportou a emoção. Ex-ídolo do Flamengo, ele foi  escalado para uma cobertura difícil, a tragédia envolvendo o time da Gávea.

Publicidade

Um incêndio atingiu o chamado Ninho do Urubu. Dez atletas, entre 14 e 16 anos faleceram queimados vivos. Outros três estão internados, sendo um em estado grave.

Djalminha, assim como as vítimas, começou na base do Flamengo e se identificou com a história dos meninos, que não puderam ter a chance de prosseguirem com os seus futuros. Na televisão, ele chorou muito  e comoveu o Brasil com a atitude sensível ao falar do tema. 

Publicidade

Djalminha não suportou emoção e acabou chorando muito durante programa ao vivo, ao comentar morte de meninos do Flamengo

Djalminha, que defendeu o clube profissionalmente de 1989 a 1993, disse que se colocou na situação dos garotos que estavam no Ninho do Urubu, que teve um dos alojamentos queimados.

Publicidade

““É difícil falar porque não tem explicação. Os meninos com tantos sonhos… E eu passei por isso. Então, ser interrompido assim tão jovem, é muito difícil. A gente tem que pedir para que essas famílias tenham a capacidade de entender essas coisas que acontecem”, explicou o ex-jogador em prantos na televisão.

Publicidade

A reação de Djalminha comoveu as redes sociais. Outro ex-atleta que também se posicionou sobre a tragédia do Flamengo foi Zico. Em uma rede social, ele divulgou um vídeo e garantiu que nesse momento não há palavras para definir o sentimento de luto. 

Publicidade
Destaque: Mulher quase é presa por emagrecer demais! Confira
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.