in

Meia do sub-17 revela onde começou o incêndio no CT do Flamengo

Reprodução / Instagram

O Flamengo sofreu na madrugada desta sexta-feira um incêndio que acabou matando 10 pessoas no CT dos times de base. Meia do time sub-17 deu entrevista e revelou que o fogo teria iniciado em seu quarto. Felipe Cardoso explicou que o incêndio no Centro de Treinamento Ninho do Urubu teria começado onde dormia após um problema no ar-condicionado.

Publicidade

O atleta deu uma entrevista para o canal Coluna do Flamengo e disse que quando percebeu algo de errado no ar-condicionado, saiu correndo e graças ao seu bom Deus conseguiu escapar com vida, porém, lamenta que outros companheiros não tiveram tanta sorte.

Se sabe até o momento que o Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 5h da manhã e os profissionais informaram que o fogo matou 10 pessoas e deixou outros 3 jovens com idades de 14 a 15 anos feridos em um hospital.

Publicidade

Um dos garotos feridos que foram para o hospital se chama Cauã Emanuel Gomes Nunes, ele possui 14 anos de idade e é natural da cidade de Fortaleza, estaria na cidade do Rio de Janeiro há 3 anos seguindo o sonho de se tornar um jogador de futebol profissional.

Publicidade

Francisco Diogo Bento Alves e Jonathan Cruz Ventura são os dois jovens que possuem 15 anos de idade e que também estão no hospital que fica localizado na Barra da Tijuca. O acidente já ganhou repercussão nacional e internacional, várias celebridades brasileiras de todos os ramos da cultura já declararam luto, e recentemente que, falou sobre o caso foi um dos ícones do Flamengo, o ex-jogador Zico.

Publicidade

Nas outras partes do mundo os principais veículos de comunicações trouxeram em primeira mão as informações sobre o incêndio no CT do time do Flamengo. Paquetá, recém transferido para o Milan, na Itália, pediu orações para os feridos e para os familiares das vítimas da tragédia.

O caso repercutiu nas redes sociais e milhares de torcedores já declararam luto pelos mortos. Até mesmo internautas que torcem para outros times e até mesmo rivais, se comoveram e deixaram a rivalidade totalmente de lado neste momento tenso para o esporte brasileiro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade