in

Você já passou por um Déjà Vu? Saiba aqui o significado

Reprodução /pinterest

Por acaso você já passou, pelo menos uma vez na vida, por uma situação em que se perguntou: ‘Isso já aconteceu comigo’.
Déjà Vu ao pé da letra tem o significado de ‘já visto’ em francês, e acontece quando observamos ou temos a sensação de que uma pessoa, lugar ou coisa parece um tanto familiar sem sequer ter passado pela experiência antes. 

Publicidade

Este acontecimento ocorre com aproximadamente 70% da população, porém as pessoas que tem idades entre 15 a 25 são as que normalmente, mais sentem isto.
O déjá vu pode acontecer de maneiras diversas em pessoas diferentes, porém a interpretação deste acontecimento continua sendo universal. 

Os cientistas iniciaram as pesquisas sobre o déjà vu em virtude disto acontecer com muitas pessoas, desta forma eles necessitavam saber as causas do fenômeno.
Akira O’Connor e sua equipe na Universidade de St. Andrews, Reino Unido realizou um estudo e chegaram à conclusão de que o déjà vu acontece a fim de que seja possível examinar as nossas memórias.  

Publicidade

Visando fazer um teste sobre o fenômeno, O’Conner e sua equipe acharam uma forma de gerar a sensação de déjà vu em laboratório.
A fim de fazer o estudo, O’Connor e sua equipe conseguiram pela primeira vez uma forma de explodir memórias que não eram verdadeiras.

Publicidade

Eles apresentavam aos participantes uma sequência de palavras correlatas, tais como cama, travesseiro, noite, sonho, porém não colocavam a única palavra que fazia a união entre elas; neste caso, dormir. Quando a equipe questionou os participantes mais tarde sobre as palavras, muitos acreditavam ter ouvido a palavra ‘dormir’, o que seria uma falsa memória. 

Publicidade

A equipe de O’Connor arguiu os participantes se eles tinham ouvido qualquer palavra que fosse iniciada com a letra ‘d’. A resposta foi não. Um tempo depois, quando perguntaram a eles se ouviram a palavra ‘dormir’, lembraram-se de que não era possível eles terem ouvido, porém a palavra ainda lhes aparentava familiar.

A equipe utilizou ressonância magnética a fim de realizar varreduras cerebrais nos 21 voluntários durante o experimento do déjà vu. A equipe de estudiosos chegou à conclusão de que as áreas frontais do cérebro comprometidas na tomada de decisão tornaram-se ativas.
Ele considera que este fenômeno acontece devido as regiões frontais do cérebro tem grande chance de estarem classificando nossas memórias e mandando sinais quando ocorre um erro na memória. Isso construiria um enfrentamento entre o que na verdade é experimentado e o que julga-se ter passado. 

Algumas pessoas tem em mente que o déjà vu acontece devido à experiências de vidas passadas, porém ninguém consegue confirmar esta informação. Contudo, ainda é uma ideia bastante interessante e curiosa, e se comprovada a veracidade, poderia de fato nos permitir aprender a respeito de nós mesmos em um grau muito mais profundo.

Namastê

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Olinda Farias

Procuro estar sempre ligada em todas as informações, principalmente relacionadas ao mundo esotérico. Além de gostar muito, levo muito a sério tudo que escrevo, seja sobre horóscopo, simpatias, orações e afins. Comigo você sempre estará muito bem informado(a).
.