in

Mulher que denunciou João de Deus comete suicídio e deixa carta assustadora

Foto/Reprodução: Facebook

Neste domingo, 3 de fevereiro, diversos veículos de comunicação confirmaram a morte da ativista Sabrina Bittencourt. Ela ficou conhecida por denunciar o médium João de Deus. 

Publicidade

De acordo com  pessoas ligadas à ativista, ela teria cometido suicídio. No final do ano passado, uma notícia de que Sabrina Bittencourt teria se matado chegou a ser divulgada, mas posteriormente foi desmentida.

Dessa vez, diversos veículos de comunicação confirmam a perda.

Publicidade

Carta faz revelações do porque ativista que denunciou João de Deus tirou a própria vida

Sabrina Bittencourt era muito atuante no caso João de Deus. Antes de se matar, ela escreveu uma carta de despedida com revelações assustadoras. 

Publicidade

“Marielle me uno a ti. Somos semente. Que muitas flores nasçam dessa merda toda que o patriarcado criou há 5 mil anos! Eu fiz o que pude, até onde pude. Meu amor será eterno por todos vocês. Perdão por não aguentar, meus filhos. VOCÊS TERÃO MILHARES DE MÃES NO MUNDO INTEIRO. Minhas irmãs e irmãos na dor e no amor, cuidem deles por mim…”, diz um trecho da carta que acabou  tendo grande repercussão nas redes sociais. 

Publicidade

Na página da ativista, muitos amigos publicaram mensagens de pesar:

“Acordo com a notícia da passagem dessa mulher fantástica que foi e é a Sabrina de Campos, a guerreira que enfrentou ameaças e desmascarou vários líderes religiosos, incluindo João de Deus. Obrigada pela sua luta incansável. Você me inspira”, disse um dos amigos. 

“Vá em paz, Sabrina de Campos. seguiremos lutando, como pudermos, enquanto conseguirmos.
receba minha solidariedade Gabriel Baum. todo amor do mundo pra vocês. ..”,
escreveu outro amigo de Sabrina. 

Publicidade
Destaque: Mulher quase é presa por emagrecer demais! Confira
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.