in

Silas Malafaia provoca Caetano Veloso após tragédia de Brumadinho e clima esquenta

Reprodução / Lula Marques / Divulgação Caetano Veloso

O pastor Silas Malafaia, da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, é uma figura bastante polêmica e costuma se envolver em diversos atritos nas redes sociais. Na quinta-feira, a confusão foi com o cantor Caetano Veloso.

Publicidade

Silas postou uma imagem que dizia: ‘Alô, Caetano? Alô, Gil? Alô, Chico?, Alô, Daniela? Vcs fazem shows beneficientes para Brumadinho ou só para libertar bandido?”.

A referência era ao Festival Lula Livre, que reuniu diversos artistas que pediam a liberdade do ex-presidente, que está preso na sede da Polícia Federal, em Curitiba, cumprindo 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Publicidade

O perfil oficial de Caetano Veloso no Twitter respondeu a postagem de Silas Malafaia. “Não entendemos, pastor. Show para libertar bandido?! Nota-se má-fé com mais uma fake news. Em 2015, Caetano Veloso e outros artistas, como Criolo e Jota Quest se uniram para ajudar vítimas da tragédia em Mariana (MG), com toda a renda arrecadada revertida em doações. Colocamos nossa arte à disposição e valorização de uma sociedade justa e humana”, escreveu.

Publicidade

A referência aí é ao show que foi realizado no dia 8 de dezembro de 2015, em Belo Horizonte. A renda da atração foi revertida às vítimas de Mariana, onde uma barragem da Samarco havia rompido naquele ano.

Publicidade

Diante da confusão entre o pastor e o cantor, muitos internautas se posicionaram de um lado e de outro. Caetano Veloso tem sua imagem bastante associada ao governo Lula. Por este motivo, o artista tem recebido muitas críticas nas redes sociais.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!