in

Hétero molesta gay sem parar por ‘cura à homossexualidade’, mas recebe pior castigo

G1

Um caso criminal acabou repercutindo em todo o Brasil nesta terça-feira, 29. Pelo menos dez sites, como o G1, publicaram uma notícia inacreditável. O relato aconteceu no Brasil e mostra um homem hétero que teria abusado sexualmente de um homossexual. 

Publicidade

A notícia traz fatos surreais. Um homem de 34 anos foi preso, suspeito de espancar e abusar de um homossexual, de 30 anos, em Colniza, a 1.065 km de Cuiabá. O crime, segundo a Polícia Civil, que investiga o caso, foi motivado por homofobia, intolerância e ódio.

Teria acontecido uma espécie de “estupro corretivo” – prática criminosa que visa exercer controle sob eventual comportamento social ou sexual da vítima.

Publicidade

As informações detalhadas na matéria dizem que o homem, que seria homofóbico, teria embebedado o rapaz gay e incentivado que ele recebesse uma carona para voltar à sua casa. No entanto, no meio do caminho, ele conseguiu fazer com que o homossexual adentrasse em sua residência forçando ele às práticas criminosas. 

Publicidade

Desesperado, o homossexual correu pelas ruas e pediu por socorro. O hétero homofóbico recebeu o pior castigo e agora pode passar um bom tempo na cadeia.

Publicidade

Homem gay sofre abuso após ser embrigadado por hétero, que queria dar ‘corretivo contra homossexualidade’

“Como sempre, a Globo se aproveitando dessas notícias… não adianta, isso é errado e ponto final”, disse um internauta, ao contar tudo o que aconteceu após a repercussão no site. “O importante é que a segurança pública fez o seu devido trabalho e agora o autor do crime vai ser responsabilizado criminalmente!”, escreveu outro, falando sobre o tema.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.