in

Fantástico usa tragédia de Brumadinho para debochar de Bolsonaro: ‘Globo foi sórdida’

Reprodução / TV Globo

A relação entre a Rede Globo e o presidente Jair Bolsonaro não é das melhores. Neste domingo (27), a Globo usou o Fantástico para debochar de Bolsonaro. A tragédia de Brumadinho, em Minas Gerais, onde uma barragem rompeu e causou devastação em parte da cidade, foi usada para “atacar” o presidente.

Publicidade

O programa dedicou boa parte do tempo para cobrir a tragédia em Brumadinho, mas, no final, voltou a exibir o quadro “Isso a Globo Não Mostra”. Bolsonaro foi um dos alvos das brincadeiras da retrospectiva da semana.

Primeiro, o apresentador Tadeu Schimidt foi interrompido por um suposto ataque de hacker e críticas ao político foram exibidas. Logo depois, foi exibido trecho do Encontro com Fátima Bernardes, em que um convidado dizia que sempre terá alguém precisando de você. Em seguida, apareceu uma imagem de Marcos Vinícius Rodrigues, responsável pelo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) falando, erradamente, a palavra “cidadões”.

Publicidade

O quadro do Fantástico também ironizou as ausências do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do ministro da Justiça, Sergio Moro, em um dos eventos do Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça.

Publicidade

O “Isso a Globo Não Mostra” termina com a “Sessão Comédia” e uma frase de Bolsonaro. “Somos o País que mais preserva o Meio Ambiente, o Brasil é um paraíso“. A ironia é uma clara referência crítica à tragédia de Brumadinho.

Publicidade

Nas redes sociais, apoiadores de Bolsonaro criticaram a Rede Globo e o quadro exibido pelo Fantástico, que terminou o dia como a maior audiência da emissora no domingo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!