‘Ameaçada’, Globo surpreende ao usar slogan anti-Bolsonaro

PUBLICIDADE

O presidente Jair Bolsonaro já deixou claro que pretende acabar com o monopólio da Globo em cima do mercado publicitário. Hoje, a emissora é a que mais lucra com a arrecadação de verbas do mercado. Diante disso, o presidente prometeu revisar a lei que foi criada ela emissora em 1960, para sancionar uma nova regra.

PUBLICIDADE

Diante disso, a emissora pode estar se armando, e aos poucos mostrando que não é a favor do político. Depois da polêmica envolvendo o presidente e apresentador do Domingão do Faustão, Fausto Silva, agora foi a vez da novela das sete O Tempo Não Para entrar na discussão.

Isso porque, no capítulo da trama que foi ao ar no último sábado (12), a novela contou com uma frase que vem sendo bastante utilizada pelos que se declaram contra o presidente desde que ele foi eleito. A personagem escolhida para dar o texto foi a da atriz Christiane Torloni, que na realidade é uma ativista nata, envolvida com a preservação da Amazônia. Carmen disse: “É isso, ninguém larga a mão de ninguém”.

A cena usada para a frase é um abraço coletivo em volta do prédio da Samvita, que está prestes a ser destruído. Embora não seja igual, a frase se assemelha ao lema “Ninguém solta a mão de ninguém”.

Na época das eleições, vários famosos como Bruna Marquezine, Monica Iozzi, Pabllo Vittar, Bruno Gagliasso, entre outros, chegaram a usá-lo em oposição a Bolsonaro.

PUBLICIDADE

Procurada pela Folha de São Paulo, a Rede Globo informou que a frase dita não tem nenhuma alusão ao lema. A emissora alega que a frase foi dita somente para dar um contexto na cena em que os personagens precisam dar as mãos uns aos outros, em um ato de protesto pacifico.