in

Após ter seu governo atacado, Jair Bolsonaro tem projeto para ‘destruir’ TV Globo

Veja Rio/ Carta Maior/ Montagem: Rômulo

O governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) criou um projeto de lei visando proibir o instrumento de negociação comercial, que segundo críticos, garante o domínio da Rede Globo no mercado publicitário.

Publicidade

O texto foi escrito por uma cúpula, montada por integrantes de agências de publicidade e executivos de concorrentes da Globo, que será apresentado em fevereiro, quando o novo congresso assumir.

O escolhido para levar o projeto ao conhecimento do novo congresso foi o ex-ator da emissora e político, Alexandre Frota, que também pertence ao partido de Jair Bolsonaro. O deputado federal falou sobre o assunto: “O projeto foi entregue a mim e a uma equipe de profissionais com a autorização do Jair. Vou apresentar ao presidente e me reunirei com SBT, RedeTV!, RecordTV e talvez Band”.

Publicidade

Nesta segunda-feira (07), enquanto reiterava suas críticas à distribuição de verbas oficiais do governo a veículos de mídia, Bolsonaro deixou escapar sua real intenção. O presidente relatou que ficou assustado ao saber o que significava o BV, e fez questão de ressaltar que isso tem que acabar.

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

BV significa Bonificação por Volume. Esse mecanismo foi introduzido pela Rede Globo no ano de 1960, sob as alegações de que era para estimular o mercado publicitário. Marcelo de Carvalho, dono da RedeTV! é um dos maiores críticos da lei.

Publicidade

Bolsonaro também já prometeu, cortar verba da Secretária de Comunicação de Veículos que considera parciais contra ele, como a Folha de São Paulo e Rede Globo.

Sua fala sobre o BV veio após Luciano Huck e Fausto Silva terem criticado seu governo. No primeiro caso, o apresentador do Caldeirão ironizou a frase da ministra “menino veste azul e menina veste rosa”. No caso de Fausto, foi por umas palavras ditas em seu programa no último dia 06, em que ele cita um “idiota” e “imbecil” no poder. Frase essa, que o próprio disse depois tratar-se de uma generalização de políticos.

Publicidade

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.