in

Sem limites, Globo escala homem de rosa e mulher de azul e o pior acontece

Foto/Montagem: Notícia ao vivo

A Rede Globo de Televisão voltou a causar polêmica com o governo de Jair Bolsonaro. Nessa sexta-feira, 5 de janeiro, o ‘Jornal da Globo’ escalou um homem de rosa e uma mulher de azul para comandarem a atração.  A aparição ocorreu poucos  dias após a declaração da ministra Damares, na qual ela falou que ‘Menino veste azul e menina rosa’. 

Publicidade

O correspondente internacional, Jorge Pontual, usou um terno todo trabalhado no pink para trazer as informações de Nova York, nos Estados Unidos. Já Renata Lo Prete, como mostra o site notícia ao vivo, surgiu vestindo azul. Ou seja, os repórteres acabaram invertendo aquilo que se chama de padrão nas cores. 

Não demorou muito para que a indireta à Ministra de Bolsonaro ficasse entre os assuntos mais comentados da internet. Alguns internautas até questionaram que Pontual e Lo Prete podem acabar sofrendo ataques de parte dos eleitores de Bolsonaro por conta da “afronta da cor”.

Publicidade

O pior, no  entanto, aconteceu, como pode ser visto no Tweet abaixo, muitos eleitores de Bolsonaro ficaram revoltados com a iniciativa dos âncoras do ‘Jornal da Globo’:

Publicidade

“#JornalDaGlobo que ridículos! A que ponto o “jornalismo” chegou…
” Como se fosse atingir o governo Bolsonaro hahahaha #globolixo”,
escreveu um dos internautas.

Publicidade

Outras pessoas chamaram a aparição dos dois profissionais da mídia de grande bobagem, como pode ser observado na mensagem a seguir:

“Quanta bobagem … o contexto era sobre cor da roupa de crianças. Pq jornalistas de tão alto gabarito se apequenam assim?”, escreveu a internauta ao falar do tema. 

Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.