in

Com Bolsonaro presidente, Thammy se torna o primeiro vereador transexual de SP

TV Foco

Com Bolsonaro presidente, Thammy está prestes a assumir uma das cadeiras da Câmara dos Vereadores de São Paulo. Mesmo não se elegendo, ele estará presente como suplente.

Publicidade

Os 12.408 mil votos conquistados na última eleição, foram o suficiente para garantir ao filho de Gretchen uma vaga como suplente. Isso só foi possível, porque alguns candidatos eleitos se candidataram a deputado estadual, como é o caso do ex-PM da Rota, Conte Lopes, que é do mesmo partido de Thammy, mas que agora atuará como deputado por São Paulo.

O filho de Gretchen será o primeiro transexual a assumir o cargo em Sâo Paulo. Em uma rápida entrevista que concedeu ao UOL, o artista e agora político, falou sobre o assunto ironizando sua chegada à Câmara. 

Publicidade

Thammy começou a entrevista dizendo: “Num governo tão ‘conservador vem eu e assumo como vereador. Acho que Deus quer dizer algo com isso! Acredito demais em Deus”. Apesar da nomeação, ele não foi pego de surpresa, ele já sabia que poderia se tornar um dos vereadores, caso os que se candidataram a cadeira de deputado estadual fossem eleitos. 

Publicidade

Uma das principais metas de Thammy será lutar pelas minorias, fazendo uma política para que todos se sintam incluídos. Para ele, seu cargo será usado como voz daqueles que se sentem oprimidos pelo governo. Com a Câmara em recesso, a convocação deve ocorrer em fevereiro. A nomeação como suplente deve garantir seu mandato até 2020. 

Publicidade

Mesmo com o cargo de vereador, Thammy diz que nada vai mudar em relação aos planos que fez com sua mulher, Andressa Ferreira. Os dois pretendem ser pais este ano.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.