in

Aliado de Bolsonaro, Alexandre Garcia terá seu próprio canal e Globo fica a ver navios

Foto/Montagem: Fernando B.

Recentemente, uma decisão envolvendo a televisão brasileira chocou a todos. O colunista Alexandre Garcia pediu demissão da Rede Globo de Televisão, após mais de trinta anos prestando serviços para a emissora. Ele era conhecido por fazer críticas e elogios ao governo. 

Publicidade

Na televisão e internet, no entanto, Alexandre Garcia falava bem de Bolsonaro e isso, é claro, criava um ambiente de tensão com quem não gosta do presidente. No entanto, o apoiador de Bolsonaro parece que não tem do que se arrepender. 

Isso porque ele terá agora um canal para chamar de seu. Alexandre Garcia não deu detalhes de como será esse canal, mas garantiu que o seu trabalho de opinar sobre a política brasileira vai continuar. 

Publicidade

Veja abaixo a publicação feita na internet, que deu o que falar e acaba, de certa forma, deixando a “Globo a ver navios”:

Publicidade

“Terei meu canal, sim. E não deixarei meus ouvintes de rádio e leitores de jornal e Twitter. Obrigado, querida“, disse Garcia ao comentar uma mensagem de Ana Paula do Vôlei, Senadora eleita em 2018. Ela questionou se o repórter continuaria os seus trabalhos, após se demitir da Globo. 

Publicidade

Caso Alexandre Garcia crie o seu próprio canal no YouTube, ele seguirá o mesmo caminho de William Waack, que migrou para a web depois de ter saído da Globo. Criado em abril de 2018, o canal Painel WW conta com mais de 23 milhões de seguidores. 

Vale lembrar que não é a primeira vez que Garcia pede demissão de um canal. No final da década de 1980, irritado com cenas exibidas no Carnaval, ele preferiu deixar a emissora. Anos antes, Alexandre foi porta-voz do governo militar. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.