in

Pastor ligado ao PSOL garante que Jean Wyllys representa a presença de Cristo no Congresso

Reprodução / Youtube Henrique Vieira

O pastor Henrique Vieira, da Igreja Batista do Caminho, de Niterói, estado do Rio de Janeiro, ganhou fama na internet ao se declarar cristão progressista que defende pautas como aborto, liberalização das drogas e a agenda LGBT.

Publicidade

Além de pastor, ele é filiado ao PSOL e colunista do site Mídia Ninja. Ferrenho crítico do conservadorismo cristão, Henrique Vieira participou da campanha do deputado federal Jean Wyllys, no Rio.

Durante o programa eleitoral, Henrique Vieira gravou um depoimento em vídeo em que afirmava que Jean Wyllys era a “presença de Cristo” no Congresso Nacional. A frase tem causado bastante polêmica.

Publicidade

Nas eleições o dia 7 de outubro, Jean obteve pouco mais de 20 mil votos e por pouco não ficou de fora. Ele só foi eleito por conta do quociente eleitoral – sistema de votação proporcional em que os votos válidos são divididos pelo número de vagas a que cada estado tem direito.

Publicidade

Henrique Vieira é hoje um grande trunfo da esquerda para atacar os cristãos conservadores. Em uma de suas falas recentes, o pastor do PSOL atacou o candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL).

Publicidade

“Eu reconheço que o fundamentalismo cristão religioso, especialmente evangélico, é semente de um fascismo no nosso país”, afirmou o pastor. Bolsonaro lidera a corrida presidencial e, segundo levantamento de institutos como Datafolha e Ibope, deve vencer o segundo turno das eleições no próximo domingo (28). O adversário, Fernando Haddad (PT), é apoiado por Henrique Vieira nesta fase da disputa pelo Planalto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!