in

ROUBADO?! Detalhe que ninguém percebeu no gol anulado do Palmeiras

O Palmeiras acabou perdendo a partida de ida da semifinal da Copa do Brasil para o Cruzeiro dentro de casa, na arena Allianz Parque. O resultado foi de 1 a 0 e os mineiros abriram uma vantagem para decidir em casa e fica muito mais próximo da final do que o Palmeiras, por mais que tudo ainda esteja em aberto.

Publicidade

Porém, uma polêmica assolou esta partida de semifinal, pois nos minutos finais da partida, quando o Palmeiras estava dominando e pressionando muito o time do Cruzeiro, saiu um gol do Verdão. Mas o jogo já havia sido parado pelo árbitro. 

Antes de Antônio Carlos chutar em direção ao gol que estava livre, sem goleiro, o Fábio, goleiro do Cruzeiro, havia caído e o árbitro Vagner Reway marcou falta em cima do arqueiro e parou o lance. Mesmo após o apito, o zagueiro do Verdão chutou e marcou o gol.

Publicidade

O detalhe que ninguém reparou e o diretor de futebol Alexandre Mattos fez questão de refirmar foi uma recomendação da FIFA sobre o VAR, árbitro de vídeo que estava sendo utilizado na partida. De acordo com a recomendação da FIFA, em lances determinantes, o juiz tem que deixar seguir até o final e somente depois marcar algo. Ou seja, o árbitro marcou uma falta antes do fim do lance e sem usar o recurso do VAR.

Publicidade

Segundo Alexandre Mattos, os dirigentes foram comunicados para avisarem os seus jogadores que se a jogada fosse interrompida, para eles continuarem até o final, assim depois o árbitro consultaria o VAR para saber da validez do lance.

Publicidade

Os jogadores palmeirense reclamaram muito, pois seria o gol de empate e poderia mudar tudo na decisão da semifinal da Copa do Brasil.

Vale ressaltar que o Cruzeiro conseguiu fazer um gol logo ao início e o Palmeiras pressionou durante todo o restante da partida, porém o técnico Mano Menezes montou uma linha defensiva muito forte. Mesmo com uma expulsão, a equipe conseguiu garantir a vitória e levar uma vantagem à partida de volta em Minas Gerais.

Publicidade
Publicidade