in

Bolsonaro lidera pesquisa com folga do segundo colocado

 

Candidato à presidência da República, Jair Messias Bolsonaro, se tornou o primeiro nas pesquisas presidenciais, pois a candidatura de Lula foi desconsiderada pelos institutos de pesquisas após o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ter barrado o ex-presidente. O argumento foi a Lei da Ficha Limpa, que impede que existam candidatos a cargos eleitorais que já tenham sido condenados por um colegiado de juízes pelo crime de corrupção.

Publicidade

Lula era líder, agora, na pesquisa feita sem ele, quem lidera é Bolsonaro, com 26% das intenções de votos, apresentando uma grande folga contra o segundo colocado, que é o Ciro Gomes, que tem 12%. Porém, acima do candidato Ciro, ainda tem os que não votaram em nenhuma das opções, somando 18% dos entrevistados.

A terceira colocada no levantamento é Marina Silva, com 11%. Em seguida, aparece Geraldo Alckmin, 8%. Abaixo tem Fernando Haddad, com 6%. Vale ressaltar que Haddad é o substituto de Lula como candidato do PT (Partido dos Trabalhadores).

Publicidade

Também com 6% aparecem os indecisos, que ainda não sabem em quem vão votar. Na sequência vem o empresário João Amoêdo, com 4%; brancos/nulo, com 4%; e Alvaro Dias, com 3%. Já os candidatos Cabo Daciolo, Guilherme Boulos e Henrique Meirelles apresentam, cada um, 1% das intenções de votos.

Publicidade

As eleições estão marcadas para o dia dia 7 de outubro, quando encerra o primeiro turno. Até lá, os debates presidenciais podem mudar a situação das intenções de votos, assim como as propagandas eleitorais e as campanhas presenciais, que também podem movimentar este cenário.

Publicidade

Pesquisa foi realizada pelo BTG/FSB, do dia 1º a 2 de setembro. Foram 2000 entrevistados por todo o Brasil, via telefone. O levantamento foi contratado pelo Banco BTG Pactual (Registro no TSE: BR-01057/2018). A margem de erro é de 2 pontos percentuais e a confiança de 95%.

Publicidade
Publicidade
Publicidade