in

Por expulsão, Felipe Melo recebe punição no Palmeiras

O Palmeiras sofreu muita pressão no segundo jogo das oitavas-de-finais da Copa Libertadores da América contra o Cerro Porteño, mesmo tendo conquistado uma vantagem de 2 a 0 no primeiro jogo, isso porque o volante Felipe Melo foi expulso com apenas 5 minutos de jogo.

Publicidade

O Cerro pressionou muito e até mesmo chegou a fazer um gol, sendo que precisava de dois para levar o jogo para as penalidades máximas, entretanto a partida foi finalizada e o Palmeiras conseguiu conquistar a vaga nas quartas-de-finais da competição mais cobiçada pela equipe nesta temporada.

Felipe foi exaltado por parte da torcida, protegido pelos jogadores e muito criticado pelos comentaristas esportivos, portanto a maioria das pessoas pensaram que iria ficar somente por isso mesmo, porém a diretoria do Verdão resolveu tomar uma atitude.

Publicidade

A expulsão de Felipe Melo fez com que o técnico Felipão convocasse uma reunião técnica com o jogador antes do treinamento e, inclusive, o mesmo acabou treinando longe dos titulares, com o time reserva e com garotos da base, até porque não estará na próxima fase da Libertadores e o foco é neste jogo, o seu substituto será Thiago Santos.

Publicidade

Além de Felipe Melo ter conversado com Felipão, o diretor de futebol Alexandre Mattos convocou uma reunião com o atleta para aplicar uma correção disciplinar.

Publicidade

Não é a primeira vez que Mattos teve que intervir em situações que envolvam o Felipe Melo, isso também aconteceu quando em 2017 o jogador foi afastado do elenco pelo técnico Cuca, que acabou não gostando de certas atitudes do jogador e o afastou do elenco.

Felipe Melo só voltou ao elenco do Palmeiras depois da demissão do técnico Cuca, após um protesto da torcida para pedir Felipe Melo e mais 10 no time alviverde, isso após uma sequência ruim que teve o Alviverde da capital no fim da temporada.

Publicidade
Publicidade