in

Machista? Eduardo Costa defende Bolsonaro e rebate Renata Vasconcellos após agredir verbalmente namorada

Um dos assuntos que mais rendeu na semana foi a resposta da apresentadora Renata Vasconcellos, durante a entrevista com o candidato a presidente da República, Jair Bolsonaro, no Jornal Nacional. 

Publicidade

Na ocasião, o candidato mencionou a diferença salarial que existe entre a apresentadora e o colega de bancada William Bonner, que vale destacar, exercem diferentes funções dentro do jornalístico da emissora. Indignada com a comparação do candidato, a apresentadora deu uma resposta que a fez ser 'rainha' da internet. 

“Eu poderia até como cidadã, e como qualquer cidadão brasileiro fazer questionamentos sobre seus proventos, porque você é um funcionário público, deputado há 27 anos e eu como contribuinte ajudo a pagar o seu salário. O meu salário não diz respeito a ninguém e eu posso garantir ao senhor como mulher, que eu jamais aceitaria receber um salário menor de um homem que exercesse as mesmas funções que eu”. Esta foi a frase dita pela jornalista, que a fez virar meme na internet. 

Publicidade

Porém, o candidato ganhou um apoio de peso na internet, trata-se do cantor Eduardo Costa, simpatizante declarado das ideias propostas pelo político. Em uma postagem nas suas redes sociais, o cantor fala sobre a frase de Renata no Jornal Nacional, onde rebate dizendo que falar é fácil, mas dúvida que se ela fosse mãe e pobre, ela não aceitaria receber menos do que um homem. O artista finaliza dizendo, que é preciso conhecer mais antes de falar qualquer besteira. 

Publicidade

Vale destacar que recentemente o cantor foi alvo de uma grande polêmica envolvendo sua atual namorada, a modelo Victória Villari. Na ocasião, Eduardo teria criticado a vestimenta escolhida por sua amada para ir à academia, em determinado momento ele a teria chingado de filha da 'p!!!'. Logo depois, apareceu ao lado da namorada falando que tudo não passou de uma grande brincadeira. 

Publicidade

O cantor admitiu que existem horas em que ele fala da roupa de sua namorada, e disparou que se isso é ser machista, podem chamá-lo de machista. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade