in

Candidatura de Bolsonaro pode ser impugnada pelo TSE

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) é o tribunal que cuida da parte eleitoral da Justiça Federal, por este motivo que o colegiado de juízes é muito citado ultimamente, até porque estamos em período eleitoral e os candidatos sempre estão sendo regulados, para assim se ter o controle dos candidatos que podem ou não participar da corrida para conseguir os cargos do poder executivo.

Publicidade

Sem vias de dúvidas, o cargo de presidente da República é o mais disputado e o que mais causa polêmica dentre todos os outros, além de também ter alta influência nos cargos de deputados, senadores e governadores, pois geralmente os eleitores votam em quem seus candidatos à presidência apoiam.

O ex-deputado federal Jair Messias Bolsonaro é um dos primeiros colocados nas pesquisas presidenciais e, por conta disso, vem estando em muita exposição nos últimos meses, inclusive agora que se tornou réu no STF (Supremo Tribunal Federal) pelo crime de racismo, após dar uma declaração polêmica sobre os quilombolas.

Publicidade

Entretanto, mesmo com muitos pedidos da impugnação da candidatura do presidenciável, assim como provavelmente acontecerá com o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, a defesa de Bolsonaro enviou um comunicado ao TSE.

Publicidade

Os advogados de Bolsonaro afirmaram ao TSE que o mesmo não está inelegível, até porque a Lei da Ficha Limpa coloca uma série de crimes para barrar uma candidatura, porém o de racismo não conta na lista.

Publicidade

Os crimes estipulados na lei para evitar uma candidatura, geralmente é de corrupção, assim como Lula foi condenado em segunda instância pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no entanto ele, sim, não pode participar das eleições presidenciais do ano de 2018.

O TSE analisará o caso do ex-deputado e decidirá se impugnará ou não a sua candidatura à presidência.

Publicidade
Publicidade