in

Bolsonaro rebate questão salarial de Bonner e Renata ao citar verba federal recebida pela Globo

O candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro foi o segundo entrevistado da série de sabatinas que a Rede Globo tem feito com os presidenciáveis no Jornal Nacional, o principal telejornal da emissora.

Publicidade

Nesta terça-feira (28), o candidato do PSL esteve nos estúdios da emissora carioca, cara a cara com os jornalistas William Bonner e Renata Vasconcelos, apresentadores do JN.

Em um dos momentos da sabatina, Bolsonaro citou a diferença salarial entre William Bonner e Renata Vasconcelos. “Estou vendo aqui uma senhora e um senhor (referindo-se a Bonner e a Renata) e há uma diferença salaria aqui. Parece que é muito maior para ele do que para a senhora”, afirmou o candidato à Presidência.

Publicidade

Renata afirmou que o dinheiro pago a ele, enquanto deputado federal, é público. O candidato à Presidência respondeu que a Globo recebe bilhões da União todos os anos, insinuando que o dinheiro recebido pela jornalista também seria público.

Publicidade

Em 2015, um levantamento feito pelo UOL revelou a quantia bilionário paga à emissora da Família Marinho nos últimos anos. A quantia excede – e muito – ao pago às outras emissoras.

Publicidade

Entre 2003 e 2014, a Rede Globo recebeu R$ 6,2 bilhões do Governo Federal, nas gestões dos petistas Lula e Dilma Roussef. Na segunda posição das emissoras que mais receberam aparecia a Record TV, com R$ 2 bilhões. O SBT recebeu, no mesmo período, R$ 1,6 bilhão.

A entrevista de Bolsonaro teve 28 minutos, assim como a primeira da série, com o candidato Ciro Gomes, exibida na segunda-feira. O questionamento de Bolsonaro sobre salário foi elogiado por alguns internautas e criticado por outros.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade