in

Menino de 5 anos manda bilhete em nome da professora para não ir à escola e viraliza na internet, veja

O que dizer de um garotinho de apenas 5 anos de idade que se passou por sua professora ao escrever um bilhete para seus pais avisando que não haveria aula no dia seguinte? Danadinho? Peralta? Maroto? Inteligente? Sim, provavelmente ele possui todas estas características, porém a forma inocente como a criança escreveu o bilhete é apaixonante e hilária, aliás quem nunca pensou em 'matar e/ou cabular' aula que atire o primeiro pirulito para este rapazinho; saiba mais.

Publicidade

De acordo com o portal de notícias online, G1, a criatividade de um menino de Bocaina, cidade localizada no interior de São Paulo, viralizou nas redes sociais nesta quarta-feira (22). O garotinho, Gabriel Lucca, entregou um bilhete para sua mãe, no qual dizia que no dia seguinte não haveria aula e o motivo era pra lá de inusitado, "poderia ser feriado".

Menino de 5 anos manda bilhete em nome da professora para não ir à escola e viraliza na internet

Gabriel bem que tentou ludibriar a sua mãe, mas sabendo o filho que tem, ela logo percebeu que o menino queria mesmo é ficar um dia em casa. Geovana Santos, mãe de Gabriel ao se deparar com o bilhete, assinado por "Tia Paulinha", professora do garoto, ligou para a mãe relatando o ocorrido e para saber sobre a veracidade do mesmo.

Publicidade

A mãe e a professora de Gabriel caíram na risada ao perceber que o garoto queria era 'matar' aula e encontrou um jeitinho bem brasileiro para alcançar o seu objetivo. Paula Renata Robardelli, a Tia Paulinha, pediu autorização para família do pequeno aluno para compartilhar o bilhete nas redes sociais, já que esta não é a primeira pérola do rapaz.

Publicidade

Imediatamente ela começou a receber centenas de comentários e a publicação já foi compartilhada inúmeras vezes. Paula revelou que Gabriel Lucca é um ótimo aluno, participativo e muito inteligente, ela também revelou que ele adora escrever bilhetes para os coleguinhas de classe. 

Publicidade

"Ele solta várias 'pérolas', é demais. É uma criança extremamente inteligente e a criatividade dele ao escrever o bilhete e ainda colocar 'é verdade' no final… Foi engraçado demais!", diz a professora.

Paula acredita que Gabriel Lucca não tinha realmente a intenção de faltar a aula, segundo ela ao que tudo indica ele queria era fazer uma pegadinha com sua mãe. De toda maneira não tem como não rir diante do bilhete, principalmente quando ele afirma: "É verdade esse bilete" (sic).

Publicidade
Publicidade