in

Jadson revela se fez o gol por ou sem querer

O meio-campista, camisa 10, Jadson foi quem garantiu a vitória do Corinthians contra a Chapecoense fora de casa e conquistou a classificação da equipe para as semi-finais da Copa do Brasil, deste ano, com grandes chances de chegar em uma eventual final e poder ser campeão da competição que mais dá dinheiro no Brasil.

Publicidade

Ganhar a copa seria um grande feito aos corintianos, que atualmente estão precisando de muito dinheiro para colocar as contas em dia novamente.

No primeiro jogo, o Corinthians já havia ganhado e conquistado uma vantagem, tendo o empate ao seu favor nesta partida, mas para não restar dúvidas, mesmo jogando um mal futebol, o Timão venceu a partida em um golaço de falta do meia Jadson e ganhou a vitória.

Publicidade

Em uma entrevista, é evidente que Jadson foi questionado sobre a sua intenção na hora da falta, pois opiniões se dividiram sobre se Jadson queria ou não fazer o gol, até porque não é uma falta de uma posição muito comum de chutar para o gol, seria mais para executar o cruzamento.

Publicidade

No entanto, Jadson deu seu parecer: "Foi em direção ao gol. Acabou entrando, e agradeço a Deus. A bola acabou pegando uma trajetória um pouquinho mais alta e surpreendendo ele (Jandrei, goleiro da Chape). O importante é gol, independente da situação", disse o meia.

Publicidade

O camisa 10 afirmou que houve, sim, a intenção de chutar ao gol, entretanto a bola tomou um rumo diferente do esperado, encobrindo e enganando o goleiro da Chapecoense e fazendo o gol.

Há quem diga que foi falha do goleiro, mas fato é que foi uma bola difícil e o arqueiro estava esperando um cruzamento, mas Jadson é destro e a falta era para um canhoto cruzar, assim ficou um pouco complicado e o mesmo optou por um chute ao gol.

O golaço foi, inclusive, comparado ao de Toni Kross, pela Alemanha, na primeira fase da Copa do Mundo, deste ano, quando o meia do Real Madrid executou uma pintura.

Publicidade
Publicidade