in

Lula será ou não candidato? MPF dá decisão final

A corrida presidencial entre os candidatos já começou e o cenário eleitoral já vai apresentando diversos candidatos ao público, com intuito de cada um escolher o seu presidenciável em quem vai confiar para administrar o país durante quatro anos de governabilidade estabelecido pelas normas que regem a sociedade brasileira.

Publicidade

Até o momento, alguns candidatos vem registrando as suas respectivas candidaturas, assim se tornarão presidenciáveis oficiais à República. Entretanto, o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, que quer novamente ocupar o cargo mais alto do poder executivo no Brasil, corre certo risco de não conseguir entrar na corrida presidencial.

Lula está preso e a Lei da Ficha Limpa o impede de se candidatar, pois lá diz que nenhum indivíduo condenado por um colegiado de juízes pode se candidatar à um cargo eleitoral, incluindo o de presidente da República.

Publicidade

A situação complica ainda mais quando Lula ainda está preso, por este motivo que ele terá sua candidatura julgada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para tentar ser candidato, por outro lado o MPF (Ministério Público Federal) se envolveu e deu um parecer sobre o assunto, afirmando que Lula não é, e nem pode ser, candidato à presidência da República.

Publicidade

Altos escalões do poder judiciário já vão se envolvendo na tentativa de Lula se tornar candidato, como a própria presidente do STF, a ministra Cármen Lúcia, que se pronunciou sobre o assunto e demonstrou o seu apoio à Lei da Ficha Limpa neste caso, defendendo que Lula não pode ser um presidenciável.

Publicidade

Agora resta ao TSE dar a última decisão sobre o assunto, após isso o PT (Partido dos Trabalhadores) deve tentar um outro candidato, este que basicamente representará Lula, tentando ter as intenções de votos do petista, que são muitas por sinal, conforme é informado nas pesquisas.

Publicidade
Publicidade
Publicidade