in

Bolsonaro é responsável por fazer Band alcançar audiência histórica e bater recorde

A Band levou ao ar, na noite de quinta-feira (9), o debate entre oito candidatos à Presidência da República. Participaram do debate: Jair Bolsonaro (PSL), Geraldo Alckmin (PSDB), Ciro Gomes (PDT), Marina Silva (Rede), Cabo Daciolo (Patriotas), Alvaro Dias (Podemos), Guilherme Boulos (PSOL) e Henrique Meirelles (MDB).

Publicidade

O debate entre os candidatos foi exibido entre 22h e 01h10 e garantiu excelente audiência à Band. Na média, a emissora paulista alcançou 6,2 pontos na região da Grande São Paulo, segundo dados consolidados do Ibope.

O pico de audiência foi de oito pontos e a Band ficou à frente da Record TV, que obteve média de 5,1 no horário. Para se ter uma ideia dos números expressivos, a emissora cresceu 786% em relação às últimas quatro quintas-feiras, quando obteve média de 0,7 pontos.

Publicidade

Esta foi a maior audiência de um debate na emissora desde 2002. A Band, tradicionalmente, exibe o primeiro debate entre os concorrentes das eleições legislativas. Em 2002, com Lula na disputa, a média de audiência foi de 8,7 pontos. O debate de 2014 alcançou 4,7 pontos de média.  

Publicidade

Jair Bolsonaro (PSL) está sendo apontado por muitos como o grande responsável pelo aumento da audiência da Band. Os números jogam a favor de quem defende essa tese.

Publicidade

No Roda Vida, exibido pela TV Cultura, a participação de Bolsonaro rendeu 2,3 pontos para a emissora. Foi a terceira maior audiência do programa nos últimos 18 anos. Na série de entrevistas com presidenciáveis, ganhou disparado.

Na segunda posição, aparece a conversa com Ciro Gomes, que alcançou 1,1 ponto. Todos os demais candidatos tiveram participações com audiência abaixo de um ponto.

No Youtube, a entrevista de Bolsonaro é a mais vista do canal do Roda Viva, com 6,5 milhões de visualizações. Tudo isso mostram a força do candidato do PSL e reforçam a ideia de que o debate da Band bateu recorde por conta da presença de Bolsonaro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade