in

Surpresa! 3 jogadores são vendidos e Timão fatura R$ 10 milhões

O Corinthians é, talvez, o time mais vitorioso desta década no Brasil, pois conseguiu conquistar vários títulos, o que faz com que o Alvinegro de Itaquera seja considerado um dos maiores clubes do Brasil na atualidade.

Publicidade

Além de possuir elencos muito bons e treinadores que conseguem conduzir a equipe a grandes campanhas em grandes competições, o Timão também está se tornando uma grande escola de futebol, revelando diversos atletas muito talentosos.

Dentre os jogadores revelados pelo Corinthians, está o meio-campista Malcom, que deve começar a defender a seleção brasileira nas próximas convocações do técnico Tite. No Timão, o craque até chegou a ser um pouco contestado mas, após ir para a Europa, honrou seu nome e, atualmente, está no Barcelona.

Publicidade

Outros grandes nomes são o de Léo Jabá, que faz boa carreira em clubes europeus, e que está, atualmente, no futebol grego, e também o Romarinho, que é pretendido por diversos clubes do exterior, e hoje está na Arábia Saudita.

Publicidade

Acontece que estes três atletas foram vendidos de seus antigos clubes para os atuais, e isto rendeu um bom dinheiro ao Corinthians, cerca de R$ 10 milhões no caixa, apenas pelo recurso de ser o clube formador destes atletas.

Publicidade

O caso de Léo Jabá é um pouco diferente dos outros, pois o atleta foi vendido do FC Akhmat, da Rússia, ao PAOK FC, da Grécia, e só com esta transferência o Timão deve ganhar cerca de R$ 5 milhões, por ter assegurado 20% dos direitos do atleta, com isso deve ganhar R$ 4,3 milhões pelos direitos e mais R$ 600 mil pelo mecanismo de solidariedade da FIFA.

Malcom foi vendido pelo Bordeaux, da França, ao Barcelona, da Espanha, e a transferência girou em torno de 41 milhões de euros, cerca de R$ 180 milhões, com isso o Timão deve receber 2,5% da negociação, algo próximo de R$ 4,5 milhões.

Somente 1,25% do valor de Romarinho irá ao Corinthians, portanto será somente R$ 220 mil, pois sua venda ao Al-Ittíhad foi por 4 milhões de euros.

Publicidade
Publicidade
Publicidade