in

Eleições: filho de Bolsonaro dá declarações polêmicas

O candidato a Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL), aparece nas pesquisas como um forte candidato a chegar ao segundo turno das eleições presidenciais de 2018. O candidato aparece em duas posições diferentes nas pesquisas, isto porque as pesquisas foram baseadas em duas partes, sendo elas: com a presença de Lula e sem a presença de Lula, em ambos os casos Bolsonaro chegaria a um segundo turno segundo as pesquisas, porém sem Lula o candidato do PSL aparece em primeiro lugar nas pesquisas. Bolsonaro tem apresentado uma postura de fortes declarações e de duras mudanças no país canarinho caso se efetive como presidente do Brasil.  

Publicidade

Bolsonaro tem seus princípios ligados diretamente ao mundo militar, onde passou quase toda sua vida servindo e lutando pelo Brasil. Entretanto, o candidato não se encontra satisfeito com os rumos que o país continental está tomando, e está apresentando uma nova forma de governo, onde traz algumas propostas radicais.

Algumas propostas de Jair Bolsonaro tem sido bastante discutidas em todo o território brasileiro, entre elas duas tem se destacado com maior força e aceitação da sociedade brasileira. São eles a liberação perante algumas regras de pose de arma da população brasileira e a não utilização de matérias didáticos do mundo LGBT para o ensino infantil.

Publicidade

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho de Jair Bolsonaro se mostrou bastante tranquilo quanto os discursos feitos por seu pai e afirmou que não acredita em uma mudança de postura de Bolsonaro. Eduardo disse 'Eu não acredito em Bolsonaro paz e amor'.

Publicidade

O deputado ainda se mostrou otimista ao simular um possível segundo turno das eleições presidências do Brasil, colocando seu pai (Jair Bolsonaro) e Ciro Gomes (candidato do PDT) como os principais nomes para um provável segundo turno.

Publicidade

"Eu gostaria do Ciro Gomes. Ele pelo menos é mais direto e sincero no que ele fala. Eu respeito mais o inimigo nesse perfil", disse o Deputado Eduardo Bolsonaro.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade