in

Candidatos do PT são barrados em debate na Band e partido toma medida drástica contra emissora

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva quer se tornar novamente o presidente do país, com isso o PT (Partido dos Trabalhadores) anunciou que o Lula será, sim, seu candidato à presidência da República, por mais que esteja preso atualmente.

Publicidade

Acontece que a candidatura de Lula provavelmente será barrada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), mas enquanto ainda está em andamento o julgamento sua candidatura, o PT nem ao menos é convidado para os debates presidenciais em emissoras, por não apresentar um candidato oficial à presidência da República.

Haverá hoje um debate presidencial na Rede Bandeirantes de Televisão, e este não contará com a presença de nenhum petista, o que acabou revoltando o Lula e o PT, por isso o partido resolveu tomar uma medida para trazer a audiência do debate para o ex-presidente.

Publicidade

Como Lula não pode nem ao menos gravar vídeos de dentro da prisão, o PT marcou para, no mesmo horário que ocorrer o debate, às 22 horas, uma transmissão ao vivo em seus canais do Facebook, assim tentando fazer com que boa parte dos espectadores do debate presidencial deixem de assisti-lo e acompanhem à live na Internet.

Publicidade

O vídeo ao vivo no Facebook contará com a presença do ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, e também de Manuela d'Ávila, que quase foi candidata porém desistiu para apoiar Lula.

Publicidade

A ideia do PT é ter Lula como candidato e Haddad como vice, mas tudo indica que se caso a candidatura do ex-presidente for barrada no TSE, o Haddad será o candidato oficial representando totalmente o Lula, e a vice-presidente deve ser a própria Manuela d'Ávila, que está muito presenta na campanha petista.

Agora os apoiadores do PT ficam empolgados com o 'boicote' promovido pelo partido no debate presidencial, resta saber se será ou não um sucesso, com potencial de retirar audiência da Band.

Publicidade
Publicidade