in

Estudo afirma que cerveja pode ser melhor que paracetamol na hora da dor de cabeça

Saiu do trabalho agora? Está cansado física e psicologicamente? Fadigado pela rotina escravizante do mundo moderno? Tudo isso pode causar uma terrível enxaqueca, que pode muito bem ser solucionada de uma maneira bem mais prazerosa do que tomar um remédio. Basta procurar o bar mais próximo para tomar aquela 'gelada', pois agora a ciência comprovou aquilo que muitos já sabiam, porém muitas esposas insistiam em descordar.  

De acordo com um estudo publicado recentemente no periódico científico Journal of Pain, beber duas canecas de cerveja com generosos 500ml cada uma, é mais eficaz no combate de dores do que tomar analgésicos comuns, como o paracetamol. 

Nesse estudo foram analisadas cerca de 400 pessoas em 18 pesquisas. Dessa forma puderam concluir que com o teor alcoólico do sangue elevado para aproximadamente 0.08% aumenta consideravelmente a resistência do indivíduo à dor, com alívio melhor do que o promovido por remédios mais populares.

Publicidade

Isso explica ainda o porque de algumas pessoas que sofrem com dores crônicas começam a abusar do álcool, chegando em alguns casos ao extremo alcoolismo. É preciso alertar que as consequências a longo e médio prazo do uso desenfreado do álcool são grandes, como danos no fígado, doenças cardiovasculares e até mesmo câncer.

É importante também salientar que ainda não está claro para os pesquisadores se o álcool alivia as dores porque mexe com os receptores cerebrais ou porque, ao ingerir a bebida, a pessoa fica mais relaxada. 

Publicidade

Mas o que importa realmente é que aquela dor de cabeça que importuna durante todo o expediente, pode sim se curar milagrosamente durante uma ida ao bar com os amigos. Só não vale exagerar…

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade