in

Na briga pela liderança, Raí aponta para os árbitros cariocas: ‘É algo que temos de ficar atentos’

Raí fez várias reclamações, sobre os critérios que os árbitros usaram durante a partida do São Paulo contra o Grêmio, em que acabaram perdendo de 2×1.

Publicidade

Um dos fatores que fizeram o ex-jogador e atual membro da comissão técnica do clube reclamar, foi a suspensão sofrida por Arboleda, Militão e Hudson, durante o confronto. Em meio à disputa que existe pela liderança do campeonato, qualquer ponto é decisivo para que o time conclua seu objetivo.

O São Paulo está há apenas dois pontos do Flamengo, e pretende fazer esse número cair ainda mais nos próximos confrontos. Em relação aos árbitros cariocas, que estão tendo constante presença nas partidas do time nos confrontos que vem fazendo, Raí deixou claro que acha complicado, por se tratar de um time carioca na liderança do campeonato.

Publicidade

Quem também chegou a essa conclusão, foi o próprio Hudson, que afirmou que os árbitros cariocas estão indo a favor do Flamengo. Além de reclamar da arbitragem no último confronto contra o Grêmio, Raí também lembrou o gol de mão sofrido por Jonas, no confronto contra o Corinthians.

Publicidade

Apesar de afirmar que o Grêmio teve seu mérito para vencer, Raí afirmou também que os cartões dados durante a partida não tiveram nenhum embasamento, como no caso de Hudson que pegou a bola na mão. Aos 38 minutos, o São Paulo já estava com três jogadores em campo, com cartão amarelo.

Publicidade

O ex-craque do São Paulo, não esconde a frustração que está sentindo por ter levado os três cartões, pois sabe que o São Paulo será muito prejudicado na próxima partida. Para finalizar, Raí comentou sobre a contratação de Éder Militão, e disse que não foi possível mantê-lo na casa. O último confronto de Militão pelo São Paulo, será no dia 05 de agosto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade