in

Flamengo luta para não repetir o drama da final da Copa do Brasil de 2017

O time do Flamengo passa por um momento de preocupação. Com os confrontos pelas quartas de finais da Copa do Brasil se aproximando, o time só tem até o dia 30 de julho, segunda-feira da semana que vem, para inscrever o jogador substituto de Vinícius Júnior.

Publicidade

Esse aliás, foi um erro que atrapalhou e muito o Flamengo no ano passado, e pode ser o que vai atrapalhá-lo novamente neste ano também. O problema é que o mais novo reforço do time carioca, Vitinho, tem que ser registrado até essa data e regularizado de forma oficial em uma publicação feita no boletim diário da CBF.

Vice-Campeão no ano passado, o time rubro-negro fracassou em vários aspectos diante do Cruzeiro: um deles foi a insegurança demonstrada por seus goleiros. Só para lembrar, no jogo de ida, Thiago falhou e acabou entregando o gol para De Arrascaeta. Logo depois, na volta, Alex não conseguiu segurar sequer uma cobrança na disputa de pênaltis.

Publicidade

Do lado de fora, acompanhando a maldição que pairou sobre o time rubro-negro, estava Diego Alves, recém contratado do clube que não pôde jogar, devido à inscrição que não foi realizada dentro do prazo.

Publicidade

Outros atletas que também não puderam atuar pelo time foram: Éverton Ribeiro que hoje é um dos principais jogadores do clube e, mais recentemente, o zagueiro Rhodolfo e o atacante Geuvânio, que acompanharam as últimas rodadas da arquibancada.

Publicidade

No ano passado, o time contou com menos tempo para se preparar, visto que as inscrições foram realizadas até 24 de abril. Por conta disso, a CBF esticou o prazo nesse ano para dar um tempo maior aos clubes.

Publicidade