in

Monstro do Pará: homem envenena sete crianças e motivo choca

Um crime bárbaro contra sete crianças ganhou as manchetes dos principais jornais do Brasil recentemente. Um homem agiu friamente movido pelo desejo de vingança e fez algo inimaginável até mesmo nos piores contos de terror. O que torna tudo ainda mais terrível é que as vítimas escolhidas por este assassino em potencial são apenas crianças indefesas, a população da cidade, onde está atrocidade aconteceu, está chocada; saiba mais.

Publicidade

Monstro do Pará

De acordo com o portal de notícias online, G1, o caso aconteceu na cidade de Paragominas, localizada no estado do Pará e que fica a aproximadamente 307 km da capital Belém. O homem que não teve seu nome revelado, foi preso na tarde deste domingo (22). De acordo com Marcelino Kielmanovicze, delegado responsável pelo caso, o indivíduo confessou o crime para a Polícia Civil de Paragominas. O suspeito irá responder pelos crimes de homicídio qualificado e tentativa de homicídio qualificado por motivo torpe.

Envenenamento e abuso 

Em seu depoimento, o homem não demonstrou nenhum tipo de arrependimento, ele relatou que envenenou as crianças para se vingar de sua ex-companheira, pois não aceitava o fim do relacionamento. As vítimas são todas da família da mulher com quem ele manteve um caso, três crianças são filhos desta mulher, três sobrinhas e um irmão da ex-mulher.

Publicidade

As sete crianças foram envenenadas ao comerem pão com manteiga, no qual o criminoso colocou veneno para rato conhecido como chumbinho. Logo depois de ingerirem o alimento, elas começaram a passar mal e foram encaminhadas para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Paragominas. 

Publicidade

Todos foram atendidos em regime de extrema urgência, porém uma garotinha de 5 anos de idade, filha da ex-mulher do criminoso não resistiu e foi a óbito. As outras crianças receberam os cuidados necessários e depois de algumas horas tiveram alta.

Publicidade

Durante o atendimento na UPA, os médicos constataram que duas das vítimas foram abusadas intimamente, uma delas é a menina que faleceu. De acordo com a Polícia Civil, o caso de estupro está sendo investigado, mas o principal suspeito dos é um tio das crianças que já foi encontrado e preso.

Publicidade
Publicidade