in

Diretor de Guardiões da Galáxia é demitido após tweets com piadas sobre pedofilia

O diretor James Gunn, responsável pelos dois primeiros filmes dos Guardiões da Galáxia e que se preparava para a gravação do terceiro, foi demitido pela Disney, nesta sexta-feira (20), depois que uma série de postagens antigas do diretor foram republicadas no Twitter.

Publicidade

Nos tweets, publicados originalmente entre 2008 e 2011, Gunn aparece fazendo piadas com temas extremamente delicados, como a pedofilia e o abuso. Algumas das mensagens incluem piadas ofensivas com o tema de relação por via oral com crianças.

Gunn é conhecido pela sua postura anti-Donald Trump, presidente dos Estados Unidos. Os responsáveis pela caça a postagens antigas foram internautas que questionam a posição política do diretor. “As atitudes e declarações ofensivas descobertas no Twitter de James são indefensáveis e inconsistentes com nossos valores, e danificaram nossa relação com ele”, afirmou Allan Horn, diretor da Walt Disney Studios.

Publicidade

Após a republicação das postagens, Gunn, que conta com pouco mais de 500 mil seguidores, usou o Twitter para se defender. Ele digitou cinco tweets tentando explicar toda a situação. O diretor afirma que hoje é melhor do que no passado. “Não quer dizer que sou melhor, mas sou muito, muito diferente do que era há alguns anos”, postou Gunn.

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

O responsável pela direção de Guardiões da Galáxia diz que pediu desculpas pelo humor que fazia no passado e magoava as pessoas. Ele aproveitou também para deixar claro que nunca praticou o que postava.

Publicidade

“Para o registro, quando eu fiz essas piadas chocantes, eu não as estava vivendo. Eu sei que esta é uma afirmação estranha a ser feita, e parece óbvia, mas, ainda assim, aqui estou eu, dizendo isso”, escreveu, com medo de começar a ser chamado de praticante de algum dos crimes com os quais ele fazia piadas.

Gunn ainda não se pronunciou sobre a demissão. Nesta sexta, ele participaria da Comic Con San Diego, e faria um anúncio surpresa. A expectativa é de que ele falasse de uma adaptação de Bersek, mangá de Kentaro Miura.

As filmagens de Guardiões das Galáxias 3 deveria iniciar no final do ano. A previsão de lançamento é para 2020. A Marvel ainda não se pronunciou sobre alterações no cronograma.

Publicidade