in

Milagre! Bebê é encontrado vivo após 9 horas enterrado

Mais um caso bárbaro envolvendo um bebê indefeso comoveu o mundo ao ganhar as manchetes dos jornais. Os números da violência contra crianças são alarmantes, infelizmente seus maiores algozes são pessoas muito próximas a elas, familiares, vizinhos, amigos e conhecidos da família. 

Publicidade

As crianças precisam de cuidados especiais e de pessoas responsáveis que as protejam de todos os perigos, que as auxiliem em seus desafios e descobertas; contudo, nem sempre é assim, o que pensar de uma pessoa que tem coragem de enterrar um bebê de 5 meses vivo? 

De acordo com o portal de notícia online do jornal 'Extra', um bebê foi enterrado vivo e resgato aproximadamente 9 horas depois, o caso aconteceu na cidade de Missoula, no estado de Montana, nos Estados Unidos.

Publicidade

Milagre em Missoula

Segundo a polícia local, só foi possível encontrar o garotinho depois de receberem uma denúncia sobre um homem que estava agindo de maneira estranha. Ele parecida desnorteado e estava armado, os agentes de segurança seguiram até Lolo Hot Springs, no condado de Missoula, onde encontraram Francis Crowle, de 32 anos. O homem não resistiu a prisão e ao ser abordado ele disse que havia enterrado um bebê em algum lugar da montanha próxima de onde ele estava.

Publicidade

Foi realizada uma grande força tarefa na busca do bebê, que duraram cerca de 6 horas, até que um dos policiais ouviu o choro fraco da criança sob um monte de cascalho, entulho e lixo. Ele estava de bruços, vestido com um macacãozinho, todo molhado e a temperatura ambiente estava na casa dos 7,8 graus.

Publicidade

Incrivelmente, o bebê está bem, ele está internado com o quadro de saúde considerado estável. Ele tem alguns arranhões pelo corpo e hematomas. O caso comoveu a todos da região, o garotinho foi colocado sob custódia da Divisão de Serviços para Crianças e Famílias de Montana.

Crowley, que foi acusado de botar em risco a vida do pequeno, permanece preso no centro de detenção do condado. O Xerife relatou que a criança foi deixada aos cuidados dele e que não sabe porque ele cometeu tal ato de insanidade. Contudo, os pais da criança não foram identificados e não foi esclarecida qual é a ligação de Francis com bebê.

Publicidade
Publicidade
Publicidade