in

Valor de multa de rescisão de Arthur estipulada pelo Barcelona é bilionária, veja os detalhes

Uma das maiores negociações do mundo do futebol este ano, durante a pausa das competições para a Copa do Mundo, que está sendo disputada na Rússia, foi a contratação de Arthur pelo Barcelona, Antes o jogador atuava pelo Grêmio, sendo um dos maiores destaques brasileiros no primeiro semestre de 2018.

Publicidade

O craque foi vendido por um valor bem alto, comparadas com outras negociações no mesmo período do ano, mas a espera por ele é tão grande que fez o clube europeu pagar uma boa quantia a mais para antecipar a compra do seu passe.

Agora o atleta é oficialmente parte do elenco do Barcelona, tanto que o time já publicou uma nota em seu site oficial. Como é de se esperar, foram apresentados pela equipe os valores do acordo, bem como outros compromissos firmados com o contrato do ex-gremista.

Publicidade

Um dos itens elencados foi a multa rescisória do jogador. Caso algum time europeu quiser Arthur em seu elenco, terá que desembolsar um valor de 400 milhões de euros, que dá aproximadamente 1 bilhão e 570 milhões de reais, se for considerada a cotação do euro para o real.

Publicidade

Essa é uma medida cautelar do Barcelona, uma vez que na última temporada o jogador Neymar foi comprado pelo PSG pegando o clube catalão de surpresa. Sendo assim é uma segurança contra clubes emergentes bilionários.

Publicidade

Quais os direitos que o Grêmio têm se o clube receber a multa rescisória?

Se algum clube pagar esse valor astronômico pelo passe de Arthur, o tricolor Gaúcho, segundo o mecanismo de solidariedade da Fifa, terá o direito de 3% dos 400 milhões de euros, que gira em torno de 12 milhões, ou seja, 54,4 milhões de reais.

Publicidade
Publicidade
Publicidade