in

Pesquisadores descobrem o grande segredo para fazer bebês dormirem bem e sem chorar

Uma pesquisa divulgada na revista Empírica Pediatras confirmou o que vários pais já sentiam: ser atencioso com o bebê, atendendo rapidamente as necessidades da criança, é o que realmente colabora para que os pequenos consigam dormir melhor. Ou seja, permitir ao filho chorar durante algum período, como determinados métodos recomendam, não é o melhor método para que crianças durmam bem

Publicidade

A pesquisa teve a participação de 279 mães filhos. Eles foram acompanhados desde o período do nascimento até completar um ano de vida.

As pessoas que participaram da pesquisa foram divividas em dois grupos. Um ganhou orientações contínuas de profissionais da saúde para que colocassem os filhos para dormir utilizando estratégias como observar o bebê com finalidade de saber interpretar o significado dos movimentos realizados, além de escutar sons e agir de forma rápida para atender as necessidades físicas e/ ou afetivas do bebê. Já o outro grupo não ganhou este tipo de orientação.

Publicidade

No fim da pesquisa, os estudiosos verificaram que bebês que recebem maior carinho  e cuidado dos pais no momento de dormir começaram a ter uma rotina para alcançar no sono de forma rápida. Além disso, tiveram maiores possibilidades de alcançar no sono sem necessidade de serem ninados.

Publicidade

Eles conseguiram dormir por um período maior, pois com oito semanas os bebês que ganharam uma atenção conseguiram ter em torno de 35 minutos a mais de sono diariamente. Já com 40 semanas de vida as crianças dormiam 22 minutos a mais.

Publicidade

A pesquisa ainda descobriu um segundo valor agregado para quem proporciona maior cautela e carinho no horário do sono. Os estudiosos concluíram que isso também reduz a probabilidade de adquirir obesidade no futuro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade