in

Líder em campo: Martin Silva diz como o Vasco retorna para o segundo semestre

Após a eliminação do Uruguai na Copa do Mundo da Rússia, ao ser derrotada pela França por 2 a 0, em Nijny Novgorod, o goleiro Martin Silva já está com a cabeça voltada para o retorno ao Vasco. Mesmo ausente desde a sua apresentação ao Uruguai, no fim de maio, o jogador acompanhou as mudanças ocorridas no Cruz-Maltino.

Publicidade

Otimista, ele espera que o retorno de Jorginho e a chegada de novos membros da diretoria, como Alexandre Faria, ajudem o clube a ter um segundo semestre de maior tranquilidade.

– Mesmo aqui na Rússia procurei acompanhar o Vasco. Ainda pode chegar gente, sair quem está lá. Estou na expectativa do que pode acontecer. A temporada vai seguir, mas agora com um ar renovado. O Jorginho chegou, de que tenho muitas boas lembranças, muita gente nova vou encontrar, sobretudo na diretoria. Espero que dê certo para o clube e isso é uma motivação – afirmou o goleiro, que mostrou orgulho com o desempenho do Uruguai nesta edição do Mundial:

Publicidade

– Evidente que estamos tristes, pois tínhamos o objetivo de conseguir vaga na semifinal e, consequentemente, a final. Mas com a poeira mais baixa vamos nos sentir orgulhosos do nosso papel aqui na Rússia. Fomos protagonistas aqui e estamos entre os oito melhores times do mundo – declarou.

Publicidade

Por fim, Martin Silva saiu em defesa do companheiro Muslera, que acabou falhando no segundo gol francês, ao espalmar erradamente o chute de fora da área de Griezmann.

Publicidade

– Um goleiro experiente e rodado como ele sabe que nessas horas é melhor esfriar a cabeça. Sabemos exatamente quando acertamos e erramos. Mas não podemos crucificar o Muslera. É um dos pilares de nossa equipe, já nos salvou muitas vezes. Tem recordes pela seleção e o que ocorreu foi uma exceção.

Antes de se reapresentar ao Vasco, Martin Silva vai curtir um período de folga devido a sua participação na Copa do Mundo.

Fonte: Lance!

Publicidade
Publicidade
Publicidade