in

Peñarol recebe de volta grande promessa que Grêmio dispensou

O Grêmio possui os direitos de compra do jogador Martin Chaves, de 20 anos, mas decidiu que não vai contratá-lo em definitivo. O craque tem duas passagens pelo clube em seu currículo, mas não foram o suficiente para assegurar sua permanência na casa.

Publicidade

O meia do time chegou ao clube como uma grande promessa, mas seus rendimentos na base constantemente oscilavam. Embora tenha se destacado na edição de 2016 da Copa RS sub-20, o atleta não teve a sua opção de compra que pertencia ao clube gaúcho concretizada.

Quando atuava no Uruguai pelo Peñarol, o jogador ganhou elogios e se destacou por suas jogadas em campo e pelo rendimento nos treinos na categoria de base do clube. Seu crescimento profissional fez com que ele se tonasse o camisa 10 do time Carbonero e despertasse a atenção do Grêmio.

Publicidade

Porém, no Brasil, Chaves alternou entre bons e maus momentos, o que foi decisivo para que o Grêmio batesse o martelo sobre sua não contratação. Pelo clube tricolor, Martin disputou vários campeonatos como o sub-20, Copa São Paulo, Copa RS; além de torneios estaduais.

Publicidade

Martin também já teve diversas excursões pela Europa, América Central e Àsia. Sem o investimento necessário e prestes a retornar para o antigo clube, o jogador passou a treinar separadamente até seu retorno para Montevidéu.

Publicidade

Mas o Grêmio ainda possui outro jogador em sua base como opção de compra, trata-se do peruano Marco Saravia, 19 anos. Apesar de ter sido levado para a Rússia para atuar no elenco criado por Ricardo Gareca, o futuro também é incerto, já que o vínculo está próximo do fim.

Publicidade
Publicidade